domingo, 29 de dezembro de 2019

Fim de ano e muito dinheiro, uma combinação diabística perfeita!


Saudações diabísticas, camaradas! Para quem tem cargos altos em grandes empresas o final de ano é uma verdadeira loucura e eu estou sentindo mais uma vez isso na pele. Mas não posso reclamar, afinal, o salário é bom e não preciso me rebaixar vivendo uma vida medíocre como de caras que vendem salgados vencidos na garagem da mamãe e outros que vendem cachorro quente junto com seus 5 sócios falidos. Além disso, tenho status e ultimamente tenho atraído vários brotos através da minha demonstração de poder.

Como falei no último post, uma boa grana caiu para mim, fruto da minha sociedade e do trabalho de consultoria que eu havia feito logo após a demissão do meu emprego anterior. Se a notícia já não fosse boa, ainda vou ganhar uma boa folga de fim de ano, começando amanhã, em que poderei utilizar muito bem esse dinheiro alimentando os prazeres da carne, a promiscuidade e a luxúria, vivendo de uma forma idilicamente diabística!

O que você faria se ganhasse uma grana dessas que não esperava? O Chuppa Pau também ganhou uma bolada de fim de ano, foram 100 reais de mesada que seu papai deu, para ele comprar muitos rojões e doces para curtir a virada de ano!

Ainda não sei para onde vou, se faço alguma viagem de última hora para o exterior, se vou para alguma praia de alto nível brasileira ou se fico por aqui mesmo vivendo de uma forma completamente bilzeriana. Dinheiro não é o problema, quero gastar tudo. E não venham com discursos que eu poderia investir esse dinheiro, pois já tenho vários investimentos e essa quantia não vai me fazer bilionário no curto, médio ou longo prazo. Por outro lado, gastar essa grana vai me fazer muito feliz e recuperar a minha sanidade mental.

Enfim, o figurino para passar esse fim de ano já está separado; boina italiana branca, camisa florida, colete, coturno urbano, corrente de ouro, calça jogger, suspensório e um pente no bolso. Agora é a hora de dar uma desacelerada no ritmo de vida e aproveitar tudo o que o dinheiro pode proporcionar. Quero viver idilicamente por esses dias, uma espécie de mini vida bilzeriana. Viver bem, dirigir máquinas (alugadas), comer o que há de melhor da gastronomia gourmet, transar com beldades e beber loucamente os melhores elixires dos deuses. Será que os haters ficarão com muita inveja?


Um abraço do Pobre-diabo!

domingo, 22 de dezembro de 2019

Dinheiro é tudo


Fala betosos. Fim de ano e a correria não para, por isso que atrasei o posto. Estou trabalhando absurdamente e tenho estado extremamente cansado e estressado. Para tanto, para me acalmar, tenho bebido pinga e fumado todos os dias, aumentando cada vez mais esse consumo doentio. Dinheiro é tudo para mim e só ele me fará vencer e ter meu lugar de honra nessa sociedade.

Mesmo assim, estou feliz, pois tenho alcançado minhas metas na empresa, tenho aparecido bastante no trabalho e ganhado vários elogios da diretoria. Esse ambiente profissional me fascina, me deixa completamente eufórico. As pessoas dão a vida no trabalho e realmente quando você tem uma boa posição você se transforma em um alfa. Um dia eu chegarei lá e irei exalar poder e dinheiro, aleluia!

A notícia boa da semana foi que caiu uma boa grana para mim essa semana, vinda de algumas consultorias que fiz antes de assumir esse última no emprego e da minha parte na empresa. Confesso que fiquei intrigado com a quantia que recebi, uma grana considerável, que a maioria dos betas demoraria até 2 anos para juntar, enquanto eu ganhei com um trabalho relativamente fácil e rápido. A única coisa que eu quero dizer é: Chupem haters!


Um abraço do Pobre-diabo!

sábado, 14 de dezembro de 2019

Poder e status: meu maior sonho!


Boa tarde, betosos, quero dizer para vocês que mal sai do trabalho ontem e já fui direto ao templo cervejístico buscar uma benção espiritual. Bebi muito, pois precisava espairecer. Para quem quer vencer no trabalho é assim mesmo, caras. A pressão está grande, mas só o fato de receber um aperto de mão e ser reconhecido pelo nome pelos diretores, além de ver que eles "estão na minha", é gratificante demais. A minha hora ainda vai chegar!

Ontem tivemos um almoço com a diretoria e confesso que ao ver aqueles homens poderosos, sua postura alfística, seus ternos caríssimos e seus relógios caros fiquei arrepiado. Isso não tem nada a ver com atração física, antes que falem besteiras, tem a ver com a percepção que o poder causa nas pessoas. Ao ver os carros deles no estacionamento fiquei ainda mais boquiaberto, só carros importados poderosos. Eles possuem um alfismo, tanto por conta de sua posição social, como pela forma que se portam. As mulheres se derretem na frente deles. Eu quero esse status!

Elas caem aos pés de um alfa financeiro poderoso. E ainda tem otário que acha que a vida se resume a pagar as contas da magrela de 35kg

Enfim, ontem eu bebi tanto de noite que acordei na garagem de casa, dentro do carro e lavado de vômito. A ressaca está enorme! Não faço ideia como cheguei em casa e o pior que ao abrir minha conta vi que só ontem gastei 1,2k no bar e eu não faço ideia com o que. Pensem, em um dia eu gastei o que o Chuppa Pau ganha no mês inteiro, lembrando que esse mentiroso vive uma vida de ilusões, mentindo que é um YouTuber famoso e um mega empresário, mas até agora nunca provou nada. Enfim, a  isso noite de ontem me ajudou a refletir ainda mais e ver que é isso mesmo que eu quero, poder e riqueza acima de tudo!

Será que vou destruir de novo o meu psicológico e minha saúde por conta de eu ser doente por poder e dinheiro? Eu quero isso mais do que tudo na minha vida, é o meu sonho e nem que eu vá até às últimas consequência eu irei para atingi-lo . Não existe sucesso sem esforço, meus amigos. Dentro de alguns anos, quando eu estiver vivendo uma vida idilicamente bilzerianística lembrarei dos invejosos aqui do reduto que tanto me criticaram.

Blogueiro Picca Pau (também conhecido por Chuppa Pau) ostentando uma vida poderosa com a incrível mesada que ganhou de seu pai

Betas, entendam que por mais que vocês fiquem discutindo sobre empreendedorismo, concursos poderosos ou faculdade de medicina, tudo fica mais difícil quando se é pobre, beta e burro, como a maioria aqui é. Óbvio que nada é impossível, mas digamos que as chances são mínimas. Por isso, o mais certo é encontrar um campo que você tenha mais facilidade de ascender na vida e lutar com todas as suas forças. No meu caso, minha única chance é no meio profissional ou alguém aqui acredita que abrir uma lanchonete na garagem da mamãe vai fazer alguém rico?

Minha intenção aqui é ajudar a todos os betas, esses seres sofridos que vivem às margens da sociedade. Quando se é beta, tudo se torna mais difícil e muitas portas se fecharão. O que fazer? Chorar? Culpar o mundo? Não! A solução é se desenvolver de forma diabística e dar tudo de si para vencer. Eu sou um exemplo vivo disso e quem acompanha o reduto a mais tempo sabe de minha trajetória de vida difícil, mas que tem dado bons resultados financeiros e profissionais, inclusive já postei muitas fotos comprovando aqui (carro, mulheres, viagens e muito dinheiro). Saiba que você também pode, é só estar disposto a lutar como eu. Tenham um ótimo final de semana!


Um abraço do Pobre-diabo!

sábado, 7 de dezembro de 2019

Amargura e negatividade não te farão vencer diabisticamente


O que muito me deixa indignado é como betas não podem ver o sucesso alheio que morrem de inveja. É interessante ver nos comentários dos últimos posts a raiva e amargura que os betas têm de pessoas que escolhem lutar e vencer, sempre desejando o mal, uma espécie de projeção de seu próprio fracasso na outra pessoa. E não falo apenas do meu sucesso profissional, mas também de qualquer outra pessoa que vença na vida assim como eu.

Para alguns betas até podemos aceitar isso, afinal, quem que fica brincando de ser YouTuber com quase 30 anos na cara, gravando vídeos de games, como se já não existissem milhares de canais assim? Quem que fica insistindo em brincar de ser empresário, achando que vender hot dogs em 5 sócios é ser empreendedor? Essa vida de fracasso deve causar umas amargura enorme nesse tipo de beta.

Guardar amargura, rancor, raiva e vingança é a pior coisa que você pode fazer para si mesmo. Com o tempo isso só vai te fazer piorar, transferir toda essa negatividade para você mesmo e consumir toda a sua sanidade mental, levando-o para um quadro grave de depressão. Em vez disso escolha se libertar dessas coisas ruins, focar no que importa e se desenvolver de forma diabística, pois é só assim que betas podem atingir o sucesso, como é o meu caso.


Confesso que não é nada fácil viver uma vida de batalhas como a minha, ainda mais quando você tem um cargo elevado em uma empresa importante, se por um lado você tem bom salário, status e poder, por outro você tem uma responsabilidade imensa, trabalhos excessivos e muito estresse. Além disso, por mais que eu esteja feliz, nessas semanas praticamente dobrei o meu consumo de pinga, cigarros de cereja e damlux, tudo para poder aguentar essa nova rotina.

Então, meus amigos, o recado que fica é que não existe dinheiro fácil e nem sucesso sem esforço. Soluções milagrosas que te vendem por aí são somente para roubar o seu suado dinheiro. Se quer ser vitorioso como eu, então esteja disposto a dar o seu sangue. Não é chorando como uma marica que vai conseguir algo, pelo contrário, vai se afundar ainda mais e acabar no mesmo engodo de fracasso que alguns betas que conhecemos por aqui, como um que faz uso de anabolizantes falsificados para se exibir para faveladas e acabou abrindo uma lanchonete na garagem da mamãe para sobreviver.

Quem você quer ser no futuro?  Quer ser alguém estabilizado, morando bem e vivendo uma vida prazerosa ou quer ser aqueles velhos barrigudos lutando para poder sobreviver, cuja única alegria é tomar cachaça vagabunda no boteco? Quer morar no Jardins ou no Capão Redondo? Quer andar de Cayenne ou Celta? Quer viajar para Cancún ou Guarujá? Quer jantar lagosta ou linguiça? Quer transar com panicats ou com as tias gordas? Não deixe para depois, porque pode ser tarde demais.


Um abraço do Pobre-diabo!

sábado, 30 de novembro de 2019

Um pobre-diabo descolado


Saudações, amigos diabistas. Já iniciei esse sábado tomando um bom whisky, acompanhado de um cigarro de cereja para relaxar, afinal, a semana de trabalho foi muito corrida. Ontem mesmo trabalhei até às 22:00. Como todos sabem eu estou a mil nesse novo emprego. Estou super motivado e cheio de planos. Um deles é me destacar na empresa e galgar novos posições até chegar ao topo, que sempre foi o meu maior objetivo, tendo em vista que eu sou doente por dinheiro e poder.

Eu tenho tentado sempre me aproximar dos grandes da empresa, sempre cumprimentá-lo e tentar estabelecer diálogos. Eu percebi que meus assuntos são muito chatos, afinal, eu sou um beta B escroto e sem graça, além de ser mais feio que cu cagando. Então eu estou pesquisando muito em como eu posso me tornar mais agradável, estabelecer bons diálogos e saber quebrar o gelo perante as pessoas. As habilidades sociais, de networking e liderança são as mais importantes no ambiente profissional. Tudo isso se resume em ser descolado (mas de uma forma profissional).

Tenho lido muitas piadas de todos os tipos, assistido documentários e me informado sobre futebol, política e outros temas aleatórios, visto que são os assuntos mais recorrentes nas conversas. Outra coisa que eu preciso é manter a calma. Em alguns dias eu fiquei muito nervoso e com o coração acelerado ao estar em situações de proximidade com pessoas poderosas, mas não sabendo como agir ou com medo de dar alguma bola fora. Nesse tipo de situação é fácil você estragar tudo e queimar a sua imagem para sempre.


O fato é que tudo está dando certo e eu não posso jogar essa oportunidade fora. Não aceito a derrota, pois eu nasci para ser alguém grande, nasci para ter muito dinheiro e viver de forma idilicamente diabística. Quem se contenta em vender lanches vencidos na garagem da mamãe ou vender hotdogs em cinco sócios já nasceu para perder, já nasceu fracassado. O destino desses sujeitos é uma eterna vida medíocre, morar em ap de 40 metros, dirigir Golzinho, comer bife duro, beber Glacial e viajar fim do ano para as piores praias brasileiras.

Eu penso alto, penso sempre lá para a frente e como terei minha vida bilzeriana. Enfim, o caminho ainda é longo e estou até pensando em fazer mais um curso de oratória, frequentar outros grupos sociais para treinar e ser mais desinibido e até de repente fazer um curso de teatro, considerando que atuar é o que todos fazem, principalmente no ambiente de trabalho e onde mais é difícil, pois é um clima de pura competição. Socialmente eu já tenho sido muito descolado, principalmente quando visto minha boina italiana, pulseira de ouro, camisa florida, calça jogger e coturno urbano. Arrebento a boca do balão com os brotos. No trabalho, porém, não posso ser tão descolado e irreverente assim, preciso ser mais profissional, digamos assim.

Tudo se trata de melhor usar as estratégias, meu amigo. E você, vai ficar perdendo tempo aí usando bombas falsificadas para atrair faveladas ou vai correr atrás de se destacar e ganhar dinheiro? Depois não digam que eu não avisei. O que é melhor, andar de terno da Hugo Boss, relógio da Tag Heuer e uma boina italiana descolada, dirigindo um Porsche Cayenee com uma loira gostosa do lado, ou andar de moto 125cc financiada, com camiseta regata falsificada da 25 de março, exibindo um braço inchado de linguiça, acompanhado de uma favelada de 35kg sem o ensino médio? A escolha é sua!


Um abraço do Pobre-diabo!

domingo, 24 de novembro de 2019

O poder da autoestima diabística


Saudações, camaradas diabistas! Atrasei com os posts em virtude da correria de fim de ano na empresa. Está uma verdadeira loucura! Mesmo assim, estou feliz. Sexta de noite e ontem eu bebi litros de elixir dos deuses (cervejas artesanais) e muita pinga, tudo isso em gratidão à boa fase de vida que eu tenho passado e por eu estar recuperando minha autoestima diabística. Ontem eu fui com o meu broto para uma festa anos 60 e dancei muito lá (geralmente sou o chato que só fica sentado bebendo), isso que sou todo desengonçado, ridículo e escroto, mas eu não estava nem aí, pulei muito, fiz dancinhas idiotas e me diverti muito, queria só arrebentar a boca do balão na night. E deu certo. Minha brotinho se divertiu muito e a noite transamos como adolescentes apaixonados!

Enfim, como vocês têm observado, eu estou passando por uma fase muito boa, tanto em minha vida profissional, como pessoal. Depois que fui demitido da última empresa, fiquei mal um bocado, chorei muito, mas não me entreguei e foi aí que decidi realizar consultorias. Até que estava indo bem o negócio, devido ao network que desenvolvi durante toda minha vida, porém eu sempre almejo voos cada vez maiores em minha vida, como ser diretor de grandes empresas, cargos que garantem muito destaque social e acesso a inúmeras vaginas. Nesse período, o clima de perda de estabilidade e incertezas econômicas do Brasil me deixou ainda mais depressivo do que eu já sou e comecei a beber ainda mais e minha insônia se agravou.

Mesmo o negócio  estando indo bem e a relação sendo agradável com meus sócios, eu não estava feliz. Foi aí que apareceu a ótima oportunidade de assumir um cargo de certa forma elevado em uma boa empresa, que me garantiria uma boa posição social e profissional, considerando aqui que eu adoro poder, dinheiro e destaque social. Tive que aceitar, meus amigos, pois esse mundo de competição, poder, estratégia e dinheiro está no meu sangue. Não descarto para o futuro meu próprio negócio, porém ainda é hora de fazer o que eu gosto mais. Eu ainda mantenho sociedade com meus amigos, porém estou mais afastado por conta do elevado serviço atual, mas quando acalmar ficarei focado em realizar projetos, enquanto eles tocam as partes administrativa e operacional.


Mas esse não é o foco desse texto. Quero esclarecer aqui que se você não está bem consigo mesmo, nada irá bem na sua vida. Você fará tudo com desânimo, tristeza e esperando o fracasso. Eu sei que é difícil dizer isso para seres fedidos e horripilantes como são os betas. Eu mesmo sou um beta B mais feio que cu cagando, um filhote de urubu, ridículo e escroto, no entanto, mesmo assim tenho sonhos, desejos e sentimentos, afinal, somos todos seres humanos. Mas o que eu percebo é que toda vez que minha autoestima se eleva as coisas dão certo. Por que? Provavelmente porque são momentos que você trabalha melhor, faz mais contatos e transmite para todos uma imagem de vencedor, lembrando que todo mundo quer distância de fracassados. A autoestima diabística tem poder!

E isso tem dado certo. Estou muito bem no novo trabalho e tenho recebido vários elogios. Além disso, tenho reparado alguns olhares de desejo vindos de algumas secretárias e estagiárias, obviamente por enxergarem em mim um homem de sucesso. Posição social e dinheiro são verdadeiros afrodisíacos para elas. Só sei que estou numa fase excelente de vida, minha autoestima está inabalável. Siga meu exemplo, beta, abandone as ilusões e extremismos, fuja de sabotadores sociais usuários de bombas falsificadas, vendedores de lanches na garagem da mamãe e Youtubers infantis falidos, escolha se desenvolver de forma diabística! Sempre teremos altos e baixos, porém essa é a essência da vida, as vezes ganhamos e as vezes perdemos, contudo devemos sempre procurar lutar ainda mais, pois o que importa é que o saldo final ainda seja positivo.

Quero compartilhar com vocês que o broto que estou saindo já está se sentindo minha namorada e eu odeio isso. Sei que quase a totalidade dos betas já iria pedir ela em noivado (como o roliço e sua magrela de 35kg), pois o que mais sonham na vida é ter a atenção feminina e uma mulher para dizer que é sua. Mas eu não sou assim, eu amo mais eu mesmo e o dinheiro/poder, mulher é o que mais tem por aí e se não for free, existem inúmeras damlux maravilhosas por aí, prontas para nos fazerem feliz. Talvez essa semana eu termine com ela e já vá visitar o templo da luxúria, o lugar que eu mais amo e que sempre me acolheu, com suas damas da luxúria, verdadeiras deusas do pecado. Estou pensando em pegar 3 ou 4 de uma vez só para comemorar essa nova fase. Aguardem!

Nos próximos posts podemos falar mais sobre autoestima e a sua força na vida profissional e pessoal. O que acham?


Um abraço do Pobre-diabo!

domingo, 17 de novembro de 2019

Vencendo diabisticamente através do trabalho


Fala betosos. O negócio está meio parado aqui por causa da correria do novo emprego. Estou trabalhando como um condenado, mas as perspectivas de sucesso são grandes. Quero aparecer bastante e mostrar serviço para os diretores, pois esse é o momento de fazer a fama. Primeiro plantamos a semente, regamos e trabalhamos muito. Uma hora os frutos virão e serão muitos.

Quero pedir desculpas pela minha ausência, está realmente muito corrida a minha vida. Mas essa semana ajeito as coisas e terei mais tempo e quero que acompanhem essa jornada junto comigo aqui no reduto.  No mais eu estou muito feliz. Hoje passei o dia tomando vodka e whisky, acompanhados de Cohibas deliciosos. Já estou saindo com um broto da empresa, uma delícia de estagiária. Realmente o poder e o dinheiro são tudo!

Eu sou doente por dinheiro e o fracasso não é uma opção. Vender salgado na garagem da mamãe é coisa de fracassado e ponto final! E você, beta, como tem sido o seu trabalho? Quais os seus planos para o futuro?


Um abraço do Pobre-diabo!

sábado, 9 de novembro de 2019

Vencendo no trabalho de forma diabística


Estou meio afastado do reduto por conta do trabalho. Já entrei com tudo, quero apresentar resultado para a diretoria para fazer a minha fama já logo no início. Já andei observando que os caras do trabalho são meio "paradões", vou poder usar isso ao meu favor, fazendo um papel de super ativo, assim eu me destaco entre todos. São estratégias!

Estou bem animado no trabalho, quero fazer um bom networking aqui porque a minha intenção é chegar ao topo. O céu é o limite para os diabistas. Viver só em função de faveladas, usar bombas falsificadas, vender dogão ou lanche na garagem da mamãe não é coisa de vencedor. Eu quero é sempre mais!


Estou sendo bem simpático com minha secretária e já andei perguntando para ela várias coisas sobre os outros funcionários e meu "concorrentes". Eu sou doente por poder e dinheiro, farei de tudo para me destacar. Eu sou um excelente estrategista e já percebi várias formas de poder subir e mostrar que eu sou um alfa no trabalho.

Aquela depressão de outrora parece ter passado. Na real eu gosto desse clima de competição e de briga por poder.  Eu ainda serei alguém muito grande, me aguardem, haters fedorentos! Agora estou indo a um boteco tomar uma pinga gostosa com alguns amigos e quem sabe azarar algum broto. Bom final de semana, diabistas!

Um abraço do Pobre-diabo!

domingo, 3 de novembro de 2019

O status profissional que eu tanto queria!

(Não consegui colocar imagens. Atualizo depois)

Saber reconhecer o erro é o que faz você realmente evoluir na vida. Por muitos anos eu não quis reconhecer que eu era apenas um beta fedido e isso fez com que eu perdesse muito tempo com coisas que nada me edificaram. No final você aprende que quase tudo se trata de ilusões e extremismos. 

O mal do beta é não reconhecer que é só mais um no mundo. Não bastando isso, o animal fétido quer ainda se comparar com os alfas, que estão no topo da cadeia alimentar alfabetística. Aí é que vemos as maiores idiotices do mundo, como idiotas fazendo cursos PUAs para serem descolados com as mulheres, retardados que se entopem de bombas falsificadas para se exibirem e retardados que se acham empreendedores abrindo negócios lixos, achando que serão ricos e poderosos.

O que eu posso dizer é que depois que eu recebi a revelação divina da Filosofia Diabística eu aprendi que não devemos superestimar nossas capacidades. No fundo, tudo acontece de acordo com nossas capacidades, esforço, estratégia e muita sorte. Juntando estas com o abandono das ilusões e extremismos são a chave para o sucesso. O bom é que aprendi isso muito cedo e usei ao meu favor para ter um grande crescimento profissional.

(Imagem)

Então betinha, pare de perder tempo com coisas idiotas e foque em coisas importantes. Pare de sonhar com contos de fadas, pois eles não existem. Pare de chorar aos pés de mulheres e gaste suas energias ganhando dinheiro, pois ele pode te dar tudo. Aprenda de uma vez por todas que é só o dinheiro que salva e que não existe dinheiro fácil e nem sucesso sem esforço. Se a vida fosse fácil, qualquer retardado abriria uma lanchonete fedorenta na garagem da mamãe ou um hot dog em cinco sócios.

Como vocês sabem, aceitei um emprego novo, com um salário bem atrativo. Vou ter que parar com as consultorias, mesmo sabendo que elas seriam promissoras, mas no momento que estou passando eu preciso da estabilidade desse emprego e a condição social que ele me dará. Só entende isso quem já teve cargos elevados, em que as pessoas te respeitam e não te vêem somente como um beta fedido. Nesse novo emprego terei ainda mais visibilidade e serei visto como um verdadeiro alfa profissional. Chupem haters fracassados!

Ser recebido com sorrisos marotos por secretárias e estagiárias gostosas não tem preço. Na sexta eu já estava conhecendo toda a equipe e uma mina de 21 anos já se engraçou comigo, provavelmente adora sair com pessoas de bom status profissional e financeiro. Se eu vendesse lanche vencido na garagem teria esse mesmo status? Não vejo a hora de arrasar os corações dos brotos que adoram caras bem sucedidos. Little devil está ansioso!


Um abraço do Pobre-diabo!

terça-feira, 29 de outubro de 2019

Cuidado com amigos manginas!


Hoje o tema do post será um pouco diferente do usual e tem a ver com algumas situações chatas que aconteceram comigo envolvendo alguns caras que eu pensava que eram meus amigos. Sinceramente, é muito difícil ter uma amizade verdadeira com betas, pois é só aparecer uma mulher no meio do caminho ou qualquer situação que envolva dinheiro, que o imundo irá te largar, isso quando não foder a tua vida. Já falei aqui de uns camaradas betas B e C que eu tenho, que conseguem ser mais zoados do que eu.

Um deles eu considerava irmão, pois temos amizade desde a adolescência e sofremos os mesmos bullyings por sermos betas fracotes, covardes, feios e escrotos. Eu emprestei um dinheiro no começo do ano para ele, pois seus negócios estavam com problemas. Nessa semana fiquei sabendo que ele se mudou e foi morar em outra cidade. Fiquei sabendo também que ele abriu um salão para a esposa dele. Por fim, ele sumiu e não me atende mais. Ou seja, o dinheiro e a mulher feia dele fizeram ele esquecer a amizade que tinha comigo e ainda me dar um calote.

Pior ainda foi o que aconteceu com um outro amigo meu, mais beta ainda. Pois bem, há uns dois meses nós saímos para curtir a night e azarar alguns brotos. Nesse dia eu lembro que eu usei um colete de couro e um boné aba reta virado para trás, porque queria passar um visual bem descolado e irreverente. Já ele estava vestido com calça social e camisa cor vinho, um estilo mais moderno.

Eu e meus amigos curtindo uma festa de arromba!!!

Nesse dia, pegamos um combo de frisantes para chamar a atenção dos brotos, mesmo eu odiando tomar essa merda. E até que deu certo, mas só barangas vieram. Uma delas era feia mas magrinha e tinha uma bunda bonita até. Já cheguei nela, começamos a conversar e vi que ela tava na minha. Lembro que eu saí para fumar um cigarro de cereja e lá fora conheci mais um broto e conversei por uns 5 minutos, peguei o celular e voltei para finalizar o meu xaveco. Porém, quando cheguei, meu amigo que é mais feio e tosco do que eu já estava beijando o meu broto.

Eu tinha ficado chateado, mas acabei deixando de lado pois estávamos numa balada e lá ninguém é de ninguém e ainda tinham outros brotos para azarar. Então eu acabei conversando com a amiga dessa mina, que era horrenda, e já levei ela para o meu carro e lá transamos. Como o saldo da noite foi positivo, acabou que eu nem liguei para o que aconteceu, até acreditei que meu amigo não fez por maldade de chegar no meu broto e roubar ele de mim, podendo até estar bêbado. 

O que aconteceu foi que esse meu "amigo" simplesmente sumiu depois disso. Não respondeu mais minhas mensagens e me bloqueou de seus contatos. Por causa da correria do dia a dia eu acabei que nem o procurei mais também. Eis que aquela amiga feiosa me mandou mensagem ontem e contou que sua amiga estava noivando com meu amigo e fizeram até festa. Isso mesmo, betas, em dois meses o cara já estava noivando com aquela mulher e largou como um pedaço de bosta o seu velho amigo e não foi capaz de nem me convidar para a festa.


Eu marquei de me encontrar com essa feiosa e já fomos direto para o motel. Confesso que broxei, pois além de ela ser muito feia, eu estava muito triste. Mas aconteceu ainda pior, ela me contou que naquele dia da balada, na hora que eu fui fumar, meu amigo começou a falar mal de mim para o broto, falou que eu vivia na zona, que devia ter doenças venéreas e que era um fracassado depressivo, o que fez com que o broto me largasse e tivesse ficado com ele. Depois disso ela me contou que a amiga dela lhe disse que ele tem inveja de mim por conta de meu sucesso profissional e cortou laços de amizade comigo por ter medo de eu ser "concorrência" contra seu broto. Para finalizar, ele ainda não me convidou para a festa.

Isso foi como uma facada em meu peito, uma traição. Esse cara era como um irmão para mim, confiava muito nele. Foi aparecer uma feiosa na jogada que o cara jogou mais de 15 anos de amizade no lixo. Confesso que fiquei muito mal ontem e hoje e até tive uma crise de choro, pois ainda estou sensível por conta da depressão. Mas como sou um diabista aprendi que não posso me abater e tenho que sempre ser forte. Pelo menos aprendi algo: sempre me afastar de manginas, pois não são confiáveis e a primeira mulher que aparecer entre vocês e eles é capaz de os traíras fazerem  qualquer coisa para destruir sua reputação, te humilhar e te descartar.

E assim eu continuo nessa jornada diabística, sempre aprendendo cada vez mais, seja na luta ou na vitória. Só a Filosofia Diabística salva!


Um abraço do Pobre-diabo!

domingo, 27 de outubro de 2019

Um Pobre-diabo feliz!


Saudações diabísticas, betosos fedidos! Expliquei nós últimos posts a vocês que não estava muito bem nos últimos dias por conta de minha depressão. Mas as coisas tem melhorado e a notícia que dou para vocês é que aceitei o emprego. O motivo foi pela segurança mesmo, principalmente por causa da situação econômica brasileira. Não está fácil para ninguém!

Terei um cargo elevado na empresa, digamos assim. O salário é quase igual ao anterior e os benefícios são excelentes. Pelo que percebi, vou ter bastante trabalho, porém não vão ser tão difícil como o emprego anterior. O que posso dizer e que estou bem animado e não vejo a hora de começar. Principalmente para meu estado mental essa decisão e a melhor, inclusive tenho grandes chances de chegar a cargos ainda mais elevados. É claro que um momento de decisão assim não passaria despercebido, não é mesmo? Teve festa para comemorar! Que lugar melhor que um templo da luxúria para isso?

Fui lá e transei com duas damlux extremamente lindas e gostosas, níveis da Amanda Lee. Com todos os gastos foram R$800,00 em prol do meu prazer diabistico. Pensem comigo, gastei em um único dia o quanto e o Passarinho e o Roliço ganham o mês todo. Quer ser feliz? Quer transar muito? Quer viajar? Quer ser respeitado? Quer luxo? Esqueça Puas, cursos idiotas e bombas falsificadas. Só o dinheiro pode te dar tudo isso. Por isso que eu digo sempre: abandonem as ilusões e extremismos e se desenvolvam de forma diabística. O sucesso está logo alí!



Um abraço do Pobre-diabo!

quarta-feira, 23 de outubro de 2019

Tempos de luta, tempos de glória: um Pobre-diabo que não desiste!


Saudações, camaradas diabistas! O fim e o início dessa semana foram ótimos para mim, afinal, pude descansar bem e refletir bastante sobre minha vida diabísticas. Não é novidade para ninguém que eu sou um beta B mais feio que cu cagando, escroto, sem graça, alcoólatra, fumante, depressivo e com distúrbios mentais graves. A diferença é que eu aprendi a conviver com tudo isso e foi a Filosofia Diabística que me ensinou. Carrego esses problemas desde a minha infância, mas ao invés de me entregar, eu aceitei o desafio de sempre me superar na vida, nunca aceitar a derrota e tenho acumulado vitórias a minha vida toda, obviamente com muita dedicação e esforço.

A racionalidade nesse ponto foi fundamental, pois se assim não fosse eu poderia hoje ser um fracassado como muitos aqui do reduto, a exemplo de um que faz uso de anabolizantes falsificados para se exibir para faveladas e atualmente comercializa salgados vencidos na garagem de sua pobre mãe, ganhando uma miséria. Ou poderia estar no lugar de um marmanjo imaturo e mentiroso que fica gravando vídeos toscos de games na internet e por ser vagabundo brinca de ser empresário, abrindo um hot dog com 5 sócios, que só dá dá juízo, mas o papai os cobre para que o filhinho fracassado não entre em depressão. Diferente disso, eu tenho lutado muito e obtido muitas vitorias. Por mais que muitos aqui torçam para meu mal, saibam que não tem dado certo, pois eu não desisto nunca, não me entrego.


Nesses último dias resolvi não pensar em nada que me trouxesse ansiedade, como é o caso do trabalho. Quanto à ótima proposta de emprego que recebi, tenho até a semana que vem para aceitar. O mais engraçado é como o meu excelente currículo e experiencia fizeram tudo por mim, não precisei fazer absolutamente nada. Isso fez com que me sentisse muito bem, afinal, quem diria que aquele betoso escroto que eu sempre fui seria esse verdadeiro alfa profissional e financeiro? Tenho muito orgulho disso e o conselho aos mais jovens que eu dou é que não percam tempo, pois a vida passa rápido demais! O mercado dá preferência sempre aos mais preparados e atualmente aos mais jovens. Se esforcem sempre! Não caiam na conversa fiada de fracassados metidos a especialistas de mercado financeiro e empreendedorismo, pois todos eles não sabem bosta nenhuma e não têm dinheiro nem para comer um x-salada. Nunca se esqueça do seguinte versículo:

"Quem sabe faz, quem não sabe ensina!"
(Diabisticidades, cap. 6, versículo 66 - Bíblia Diabística)

Hoje eu estou tão feliz que acabei de abrir uma garrafa de whisky e um charuto Cohiba. Ainda não comentei  aqui com vocês de um broto que caiu aqui no  meu colo. Ela é prima de um amigo meu, tem 37 anos e é muito, mas muito mesmo, gostosa. Ela aparenta ter uns 24 anos,  loira, toda sarada, siliconada e ganha bem (é advogada e tem um escritório conhecido). Ela tem um filho de  15 anos que mora com o pai dele, um velho rico que deixou muitos bens para ela. Ainda estamos conversando e ela já mandou várias fotos sensuais para mim que me deixaram muito excitado. Hoje ela vai vir aqui na minha casa tomar um bom vinho comigo e assistir um filme. Não vejo a hora de transar bem gostoso com ela. Dependendo de como for, talvez ela se torne minha "namoradinha".

O interessante é que a nossa vida parece uma roda gigante, as vezes estamos por cima e as vezes por baixo, mas o importante mesmo é nunca desistir e nunca esquecer que só a Filosofia Diabística e o dinheiro podem salvar os betas.


Um abraço do Pobre-diabo!

sábado, 19 de outubro de 2019

Será que volto a ser empregado?


Saudações diabísticas, meus companheiros. Não consegui postar essa semana, pois na terça tive uma crise forte de estresse, comecei a beber pinga adoidadamente e confesso que quase fiz besteira. A partir desse episódio comecei a pensar no que realmente importa na vida. Para alguns é ter uma família, uma companheira e filhos. Para outros é ter sucesso profissional. Tem ainda aqueles que só são feliz tendo dinheiro e os minimalistas que procuram a felicidade dentro de si e das pequenas coisas.

Eu passei a vida me dedicando ao máximo na questão profissional. Nas horas de folga eu sempre procurava a alegria no álcool, nós cigarros e nas prostitutas. Será que isso realmente tem me feito bem ou só prejudicou ainda mais minha mente betosa doentia? Depois da crise que tive procurei um psiquiatra e ele me receitou vários remédios, pois disse que estou em depressão profunda e o que mais me afetou foi a demissão ocorrida em julho. Só que para usar esses remédios terei que parar de beber e isso é uma decisão extremamente difícil para mim.


Ainda não comecei a tomar os remédios, decidi pensar um pouco mais. Desde quarta estou praticamente o dia todo bebendo e fumando por conta da ansiedade e estresse. Ontem recebi uma proposta de trabalho na mesma função que tinha na antiga empresa, com um salário quase igual. A decisão são é difícil, pois estava gostando de ser consultor, pois tem horários mais flexíveis. Mas acho que  pode ser uma boa, pois terei mais segurança e isso acalmará minha mente diabísticas.

Enfim, tenho uma semana para decidir. Por mais que eu tenha boas referências, bom networking e qualificação de dar inveja, trabalhar assim é bem arriscado. É só ver a vida que a maioria dos otários metidos a empreendedores levam: muito estresse, ganho volátil e trabalho exorbitante. Mas voltar a trabalhar em uma grande empresa fará eu voltar a trabalhar muito e viver sob muita pressão. Os rendimentos na empresa acredito que podem ser maiores e a expectativa de crescimento profissional existe. O que vocês fariam?


Um abraço do Pobre-diabo!

sábado, 12 de outubro de 2019

Você também pode vencer e eu te digo como!


Estava eu andando despreocupado na hora do almoço pela rua. Diferente dos outros dias, eu estava tranquilo. Aquela ansiedade e estresse que me perseguem o tempo todo me deram uma folga. Passei a refletir e pensar que ao invés de reclamar da vida eu preciso ter mais gratidão. Olhem para mim, um beta B mais feio que cu cagando, escroto, ridículo, alcoólatra, fumante e com sérios problemas mentais, mas ainda sim tenho uma vida e uma história de sucesso. Ao invés de reclamar e chorar preciso agradecer mais por minha vida diabística de sucesso. 

Nasci em um lar simples e pela minha condição de betoso asqueroso tinha tudo para ser um fracassado na vida. Mas não me entreguei, lutei muito e luto até hoje. Vejam quem eu sou agora, um consultor de nome forte no mercado, já tive posições elevadas em grandes empresas, tenho um ótimo patrimônio, uma boa grana investida, já transei com inúmeras mulheres de todos os tipos, as quais muitas delas a quase totalidade dos betas aqui jamais irão conseguir chegar perto, já fiz viagens incríveis e tenho uma vida muito confortável. Isso não é motivo de felicidade ao invés de eu viver amargurado e estressado?

Qual foi o meu segredo? Simplesmente fazer a coisa certa, não desistir e pensar sempre lá na frente. Desde muito jovem, por conta de meu QI elevadíssimo (sou super dotado), sempre planejei minha vida de forma estratégica. Posso dizer que as ilusões e extremismos nunca fizeram parte da minha vida. Só posso ter pena desses coitados que compram cursos de ações, trading, criptomoedas e marketing digital. Pior ainda os que compram cursos de coaching. Sabe o que são esses cursos na verdade? Vigarista tentando te vender algo que eles mesmos não aplicam, pois sabem que não conseguem e que dificilmente você vai conseguir algo com isso. São tão mau caráter que apenas citam ações e opções únicas que tiveram crescimento elevado, mas que eles mesmos na época não conseguiram prever com suas análises técnicas furadas. Cita. 1 caso entre um bilhão, como se fosse fácil. Nunca será! 


Enfim, não quero me delongar sobre esse assunto, pois betas insistem em buscar o caminho mais fácil e sempre se foder. Percebam que eu posso dar inúmeros exemplos, postar estatísticas oficiais, muitos dados e fazer cálculos avançados de lógica, explicando que não vai dar certo, mas betas insistem em se iludir. Eu tenho muitos anos de experiência em matérias de empreendedorismo, finanças e mercado financeiro, tudo o que eu afirmo não é da boca para fora. Apenas eu busco abrir os olhos da nossa comunidade betística, mas se não querem ouvir, o problema não é meu. Mesmo assim estarei aqui para ajudar a todos, seja por mensagem ou e-mail, tento sempre aconselhar os amigos betas. 

Consultei minha psicóloga e meu psiquiatra e ambos recomendaram que eu desacelere um pouco minha vida e foque nas coisas boas, abandonando um pouco o negativismo. E é isso que eu estou tentando fazer agora. Quero aproveitar mais minha vida, sair mais, jogar papo fora com os amigos, flertar com as garotas, me deliciar  mais com minhas damlux, viajar e focar mais em meu bem-estar. Cuidarei mais da minha saúde física e mental e é isso que eu sugiro para todos os betas. Não adianta querer tudo rápido. Vejam que a maioria dos ricos demoraram muitos anos para chegar lá, além de terem muita sorte e ideias foras do comum. Não vai ser um curso de mercado futuro que vai te fazer ser um Warren Buffett em 6 meses, concorda? 

O segredo da vida está no trabalho duro, na estratégia e no equilíbrio, aliados com o abandono das ilusões e extremismos. Todos os meus conhecidos que seguiram esses caminhos hoje são vencedores e muitos estão até melhor do que eu. Agora, todos aqueles iludidos e extremistas, que sempre procuravam os caminhos mais fáceis, todos estão na merda. A vida sempre cobra o seu preço, meus amigo. Tudo o que você faz hoje, você pagará amanhã. Pra finalizar, eu quero dizer que tradings, criptos, forex, arbitragem não darão certo e que só servem para fazer golpistas tirarem seu precioso dinheiro e ficarem ricos. Sendo assim, escolha lutar, brigar pelo seu sonho e nunca desistir. O trabalho duro, a inteligência e a estratégica são os únicos capazes de te fazer vencer!. 


Um abraço do Pobre-diabo! 

quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Qual o caminho mais fácil para o sucesso?


A betarada fedida se morde de raiva quando eu escancaro a realidade em suas caras feias e gordas. Se não gostam disso, podemos marcar um encontro para eu meter porrada e cuspir na cara de vocês, pois não tenho pena de beta. A maioria que se fode na vida faz isso porque quer, por sempre buscar o caminho mais fácil e não o mais efetivo e certo. 

O objetivo do reduto é justamente ser completamente racional. Aqui não é lugar para iludidos que acham que existe dinheiro fácil e sucesso sem esforço. Não é lugar para crianças mentirosas que fingem ser influencers, para otários que se acham empreendedores vendendo lanches vencidos em garagem, para usuários de bombas falsificadas que acham que serão galãs de novela ou para tolos que acham que serão investidores poderosos operando opções e criptos. 

Betas vivem a base de ilusões e extremismos, parece que todo o seu sofrimento nunca foi o suficiente para abrir seus olhos míopes para a racionalidade. Já demonstrei inúmeros estudos, estatísticas e notícias, desmistificando todos os engodos para o sucesso, porém insistem em querer se enganar. Já faz tempo que tento ajudar os betas a vencer, mas parece ser uma característica geral sempre penderem para soluções idiotas e ao fracasso.


Os animais preferem comprar cursos idiotas e mentirosos de coachs, PUAs, marketing digital e investimentos, sendo que a Filosofia Diabística é um compêndio de tudo isso e ainda é completamente de graça. Ninguém conseguiu provar a ineficácia da FD, pelo contrário, ela acumula inúmeros testemunhos de sucesso para seus seguidores. Arrisco dizer que a Filosofia Diabística deveria se tornar uma religião, chamada de "Diabismo". 

Mas dá para entender completamente essa tendência do beta para a auto destruição, afinal, ao longo da história todos sempre buscaram o caminho mais fácil. Não é a toa que as pessoas à séculos sempre caem nos mesmos golpes e têm a mesma vida fracassada, tudo por conta da ganância e da busca pelo mais fácil. Enfim, quer saber mesmo o caminho mais fácil para o sucesso?

Nascer de novo e implorar ao universo para que você nasça alfa e em uma família poderosa. Se assim não for, não existe outra solução para o beta se não for se desenvolver de forma diabística. Destaco aqui que se você não gostou do post, passe seu endereço que eu vou até você para acabar com a tua raça. Quem sabe assim você aprenda a deixar de ser um beta iludido e extremista.

Agora se me dão licença vou ao boteco tomar uma pinga e fumar um cigarro de cereja. 


Um abraço do Pobre-diabo! 

sábado, 5 de outubro de 2019

Betas fedem a fracasso


Essa noite eu estava muito mal psicologicamente. Vocês sabem que estes últimos meses foram bem difíceis para mim, tive que me reinventar e começar uma nova vida profissional do zero. Os negócios têm ido bem, para terem uma ideia, fechei um contrato de consultoria por 6k só essa semana, trabalhando apenas 2 dias para isso. Enquanto isso, tem otários metidos a empreendedores que trabalham das 5h às 23h vendendo lanches na garagem e não ganham nem 1,5k no mês todo. O fato é que dificilmente, quando não impossível, um beta vai romper o seu fracasso e chegar a ser alguém de verdade, digno de uma vida idílica e bilzerianística. 

Ontem eu estava para baixo, depressivo. Parece que minha mente não consegue relaxar, a correria do dia a dia tem sido pior que quando eu era empregado e as incertezas da vida não deixam minha mente relaxar. Dei uma rápida olhada no meu celular, recebi mensagem de duas garotas que estão afim de mim, mas preferi ficar em casa. Olhei, também, algumas damlux maravilhosas pela internet, mas não estava com a mínima vontade de sair. Então acendi um cigarro de cereja e fiquei em casa abraçado com o meu amor: a minha garrafa de pinga.


É triste pensar assim sempre de forma pessimista, mas vocês conseguem raciocinar que a maioria esmagadora das pessoas são fracassadas e nunca terão acesso a uma vida de qualidade? Tomando eu como exemplo, o ápice do meu salário no mercado de trabalho foi algo em torno de 8k e isso com muita dedicação, bom networking, boa experiência e excelente formação. Segundo o site Nexo, esse valor é superior a mais de 97% da população. Pior que isso é ver que um salário de 2k te coloca acima de 80% da população. Aí o betinha fracassado, burro, iludido e extremista, acha mesmo que vai ser rico e poderoso de forma fácil? Aliás, as chances de nunca ser rico são de 99,99%.

Aí é que vem os golpistas disfarçados de traders, especialistas em criptos, marketeiros digitais etc para mexer com sua ganância e te enganar. Todos eles dizem que você deve investir e empreender, que é assim que irá alavancar seu sucesso. Mostram sua vida idílica com carrões e viagens tops, tudo para te enganar e vender cursos idiotas que só falam obviedades e não ensinam nada. Chegam a prometer valorizações de mais de 1000% em pouco tempo, enquanto a renda fixa dificilmente chega a 1% ao mês. Ou os empreendedores digitais que dizem que você irá vender milhões por mês, sendo que o sujeito é um coitado que nem dinheiro para comprar um pastel tem e não consegue vender bosta nenhuma. O que todos esses golpistas querem é vender cursos para idiotas como você que acreditam nessas lorotas. 

Vai lá, beta, invista logo nesse incrível negócio e fique rico! Investindo 200 reais a juros compostos como esses por dia em um ano você terá mais que 1 milhão e meio.  Pensei em vender meu imóvel e investir nisso, em um ano terei 4 bilhões. Com certeza é um investimento confiável e não é um golpe para enganar trouxas iludidos como você

Estudos recentes provam que 97% dos traders perdem dinheiro e os pouquíssimos que sobram chegam a ganhar em média 6k, porém não duram nem 5 anos, devido ao estresse e trabalho fora do comum. No empreendedorismo é a mesma coisa, 4 entre 5 pequenos negócios fecham em 4 anos e quase 80% das startups fecham em 5 anos, com prejuízo acumulado. Os que ganham lucros, com muito esforço chegam a 5% de sua receita. E quem deseja fazer uma faculdade? Não está nada animador. Qualquer que seja o curso, com muito esforço vão te pagar 2k, exigindo experiência, especialização e bom currículo. Advogados estão ganhando 1,2k, contadores 1,8k, engenheiros 2k e isso quando não estão desempregados!

Depois de tudo isso, é sério mesmo que vocês acreditam em soluções milagrosas? Acreditam mesmo que fazendo coisas que todo mundo faz ou comprando cursos idiotas na internet irão superar as estatísticas do fracasso? Estou de saco cheio desses adolescentes de merda que acham que a vida é um conto de fadas. Tem animal aqui que fala que para viver bem tem que ganhar 100k por mês. Outro idiota que tem nome de passarinho falou de 200k por mês como se fosse facílimo ganhar isso, sendo que vive às custas do papai. Outros babacas criticam o trabalho CLT, mas são estagiários burros e sem perspectiva de vida, ganhando 800 pratas por mês. Só posso ter pena, pois a burrice os condenou eternamente ao fracasso, mas não enxergam.

Esqueça as Amandas Lee e as Marinas Ruy Barbosa, se você é beta as probabilidades de você casar com uma mulher que não seja atraente são de 99%. Contos de fadas não existem

E isso cabe a todas as áreas da vida, até na sentimental. Você acha mesmo que uma garota jovem, linda, gostosa e inteligente vai perder seu tempo e suas capacidades de ficar com um alfa endinheirado para ficar com um beta escroto, feio, burro, pobre e cheirando a peido como você? Acredita mesmo que PUAs, jogos sociais e bombas falsificadas vão te fazer ser atrativo e vencer o instinto biológico? Olhe ao seu redor e verá que a maioria esmagadora dos betosos casam com mulheres feias, gordas, velhas, pobres e mães solteiras. Você acha mesmo que você betoso fedendo a esmegma e cu fedido vai casar com uma Marina Ruy Barbosa? Contos de fadas não existem.

A verdade da vida é que todos querem ganhar e ninguém quer perder. Todos querem conforto, luxo e sofisticação. Todos querem pessoas lindas e endinheiradas. Porém, a quase totalidade é fracassada, feia e pobre de dinheiro, de espírito e de inteligência. Entenda que dinheiro fácil e sucesso sem esforço não existem e que as probabilidades de fracasso são infinitamente superiores às de sucesso. Qual a solução então? Ou você aceita a realidade e busca ganhar o necessário para ser minimamente feliz, como 99% das pessoas, ou você escolhe se desenvolver de forma diabística. A decisão é sua.


Um abraço do Pobre-diabo! 

sábado, 28 de setembro de 2019

Juros altíssimos? Dinheiro fácil? Fuja, é uma cilada, Bino!


Bom dia, camaradas diabistas. Estou vindo de uma semana muito corrida, muitas reuniões, muitas consultorias e muito trabalho. Isso é bom demais, pois tem dado resultado todo o esforço que fiz durante toda minha vida e posso dizer que estou fechando ótimos contratos e ganhando um bom dinheiro. Minha vida pessoal tem sido um pouco zoada, pois tenho bebido e fumado todo dia, além de ter exagerado essa semana em minhas visitas às damlux, foram três vezes que fui ao templo do pecado e fiz amor com 5 damas da luxúria. Só nessa semana eu gastei o que o Roliço e o Chuppa Pau ganham no mês inteiro vendendo lanches vencidos.

Como todos sabem, eu tenho um bom dinheiro investido e comecei a observar nos últimos tempos a quantia de mentiroso que se diz trader de sucesso e que não precisam trabalhar, pois fazem day trading em casa e faturam salários incríveis sem sair de casa. Pior ainda os que se dizem traders de criptomoedas, tenho mais raiva ainda. Eu na verdade fico com pena desses caras, uma por ser idiotas iludidos, outra por serem mau caráter e enganar as pessoas e por fim tenho pena dos iludidos e extremistas que compram esses cursos idiotas. Você sabia que 92% dos traders só perdem dinheiro? Os traders de criptomoedas são piores ainda, 97% só perde. 

Todos sabem, também, que eu sou especialista em investimentos, mercado financeiro e empreendedorismo, podendo afirmar com absoluta certeza que estamos em um cenário de grande agitação por conta de vagabundos mentirosos e golpistas, os quais vendem ilusões para idiotas que acreditam que existe dinheiro fácil e sucesso sem esforço. No final, os espertos sempre enchem os bolsos de grana em cima desses idiotas, e quanto os animais que compram cursos e tentam fazer igual perdem tudo, isso quando não caem nas pirâmides financeiras que prometem ganhos elevadíssimos.


Quem aqui não viu aquele coitado fracassado que abandonou o emprego de 4,5k, vendeu o carro de 30k, pegou 4k da avó, 8k do amigo e fez o coitado do padrasto emprestar 100k no banco, "investindo" 152k no Bitcoin Banco, dizendo que ganharia juros de 1250% em 3 meses? A ilusão e extremismo, aliada a ganância burra, fez o perdedor achar que facilmente transformaria esse dinheiro em 2 milhões. Resultado: perdeu tudo e colocou sua família, seu amigo e a si mesmo na merda. Dá para acreditar que o sujeito achou que do nada ficaria milionário assim? E ele não é o único, milhões de pessoas estão caindo em golpes assim por aí! 

Ou o caso do cara que ganhava 10k ao mês, mas abandonou tudo para virar trader de opções e mercado futuro. Exibia nas redes sociais elevados ganhos diários. Teve mês que ganhou 100k. Porém teve mês que perdeu 70k. Depois só começou a perder. Vendeu o carro de 80k e emprestou 16k da mulher, dizendo que pagaria as dívidas, parem "investiu" tudo novamente e perdeu. Mas ele continuava se exibindo como trader de sucesso, mostrando ganhar 10k em um dia, enquanto no mesmo período perdia 20k. Em julho desse ano, ao perder 37k em uma única manhã, ele se jogou do 14° andar. Dias depois, sua viúva descobriu que ele deixou uma dívida de 285k ao banco e mais 105k em corretoras, totalizando 390k.

Enfim, como sempre eu digo aqui, não existe dinheiro fácil, se assim fosse, todos estariam ricos. Se 92% perde, é sério que você acha que vai ganhar algo, logo você que é um beta burro e fracassado? Se quer vencer, escolha se desenvolver de forma diabística, pois é a única forma de vencer. Portanto, abandone as ilusões e extremismos, vivendo na mais completa racionalidade e estratégia. Não tem como não vencer assim.


Um abraço do Pobre-diabo! 

domingo, 22 de setembro de 2019

A maior verdade sobre os relacionamentos


Ontem eu saí de tarde com uma gatinha que já estávamos conversando há um certo tempo. Ela é bonitinha, corpinho mignon e na cama é uma delicia. Tem 19 anos. Eu diria que 99% dos betas burros aqui do reduto iriam ficar doidos para namorar ela, por terem mentes fracas e resumirem suas vidas insignificantes e medíocres na busca por mulheres, principalmente as mais joviais, esquecendo que existe um mundo todo para explorarem e conquistarem.

É claro que foi muito gostoso os momentos íntimos com ela, porém o que elas em geral têm de tão especial assim a oferecer ao ponto de betas as colocarem ao patamar de deuses e fazerem delas a razão de suas vidas? Os animais fazem de tudo e até se matam por causa delas. Para mim todos homens e mulheres são apenas carnes e ossos, um saco cheio de fluídos e excretor de urina e bosta, com um intelecto parco e uma certa quantidade de dinheiro nos bolsos (este último o mais importante).

Eu que sou um cara que já teve bastante vivência no mundo, posições altas socialmente e profissionalmente falando, além de já ter tido muitas mulheres em minha vida, posso dizer que no fundo tudo é igual nos relacionamentos. Depois de um tempo tudo perde a graça, o sexo fica chato e cada vez mais raro e as pessoas vão ficando chatas. Pode ser novinha, linda ou gostosa, depois de uma tempo tudo fica igual. Aliás, piora, pois cada vez mais aparecem cobranças, contas e infernos mentais.

Não se iluda com isso. É óbvio que é uma delicia e deixa qualquer um louco, mas o preço a se pagar é muito alto (não estou falando só em dinheiro). Por isso prefiro as minhas damlux, tenho ótimos momentos com elas e depois vou embora sem nenhum compromisso

Então, betinha imaturo, o meu conselho diabístico é que você pense e reflita melhor sobre sua vida e busque de todas as formas vencer e, consequentemente, ganhar muito dinheiro, pois só ele vai te fazer feliz. Esqueça essa infantilidade de ficar fazendo "socialzinho", ficar "burguesando", pois isso é extremamente ridículo e só vai te fazer passar vergonha e ver como é um fracassado perto dos alfas. Pior ainda é ficar se exibindo com bombas falsificadas para magrelas de 35kg que não têm nada a oferecer intelectualmente e financeiramente. Fingir ser o que não é no final só te fará mal, além de ser o cúmulo do fracasso. 

Quando eu falo do sonho de ter uma vida idílica e bilzeriana, o foco que dou é unicamente e totalmente em mim mesmo e unicamente no meu prazer. O maior problema dos betinhas é acharem que terão a posse de uma mulher, a qual eles acham que serão só deles e vão os amar para sempre como nos contos de fadas. Aí qualquer problema que acontece na relação está feita a tragédia. Em nossa sociedade atual ninguém é dono de ninguém, então foque só em você, na sua felicidade, na sua paz, no seu prazer, no seu futuro e no seu sucesso. 

O amor é lindo!

Eu, por exemplo, fiquei a tarde toda com a garota, primeiro almoçamos em um restaurante de alto nível, depois transamos loucamente e no fim da tarde fomos tomar um café em um lugar top. Dava para ver em seus olhos como ela estava vislumbrada em sair com um cara de alto nível financeiro. Mas depois disso eu mandei ela ir embora porque tinha um churrasco de noite com meus amigos, regado à cervejas e muita carne. Ela ficou brava, falou que eu estava trocando ela e mandou eu não a procurar mais. Ótimo para mim, pois economiza meu tempo de ouvir chatices e mulher é o que mais tem por aí.

Se for para me relacionar como uma mulher, que a companhia seja agradável, que a conversa seja boa, que não me traga problemas e que tenha dinheiro para não usar o meu. A beleza nem é tão fundamental assim, afinal, ela sempre enjoa e o sexo sempre se torna chato e sem graça. Princesas de contos de fadas não existem, betinhas, seja racional nos relacionamentos! Por isso a Filosofia Diabística é a salvação para os betas, pois ela prega o abandono das ilusões e extremismos e vivência na mais completa racionalidade e estratégia, focando sua vida unicamente em você e em seu prazer. Ela te ensina a não se iludir e saber viver de verdade.


Um abraço do Pobre-diabo! 

quarta-feira, 18 de setembro de 2019

Um pobre-diabo pinguço


Outrora apenas degustador de cervejas artesanais, também conhecidas como elixir dos deuses, ao longo do tempo, em virtude de uma vida extremamente estressante profissionalmente, passei a beber cada vez mais, incluindo whisky e cachaça no rol dos elixires, acompanhados de cigarros e charutos.

Antes eu bebia mais quando estava estressado ou para socializar. Depois comecei a beber logo após o trabalho. Na sequência passei a beber tanto depois do trabalho como antes de dormir. Hoje eu bebo todos os dias, muitas vezes até após acordar, passando o dia todo e até dormir. O pior é que agora eu estou apreciando tomar cachaça, também conhecida como pinga, porém tomo uma gourmet e altamente sofisticada.


Mas o objetivo desse post não foi falar que sou um pinguço por conta de estar bebendo excessivamente. Na verdade foi uma situação chata e escrota que aconteceu comigo. Estava eu ontem muito feliz por causa de um bom negócio que fechei, decidindo por tomar uma boa pinga para comemorar. Fui ao meu bar favorito e já pedi a melhor pinga e tomei em um só gole. Fiz isso na segunda, terceira e quarta doses que vieram na sequência.

Como não havia comido nada, isso foi o suficiente para me deixar levemente alcoolizado. Nesse momento, eu estava me sentindo ótimo, pois estava com um look matador composto por uma camisa vinho, suspensório e uma boina italiana xadrez. Estava me achando um verdadeiro galã, contudo, como estava um pouco bêbado, acredito que isso não causou uma boa imagem aos brotos.

Em dado momento olhei para uma garota sozinha no bar e já cheguei junto com uma abordagem irresistível: "Você vem sempre aqui?", perguntei. A moçoila nem olhou na minha cara. Então eu toquei em seu braço e repeti a pergunta. Na mesma hora ela olhou brava para mim, com cara de nojo, dizendo: "Sai daqui, seu pinguço!". Confesso que fiquei desconcertado e saí no mesmo momento.


Como sei que sou um beta B mais feio que cu cagando não deixei isso me afetar, olhei para outra garota e já fui em sua direção. "A noite está gostosa hoje, não é?", perguntei eu. Não sei se ela entendeu errado, principalmente quando falei a palavra "gostosa", só sei que a mulher me empurrou e disse: "suma daqui, seu bêbado!". Como fiquei bravo, retruquei: "Está se achando demais". Ela só respondeu de forma alterada: "Você acha que eu vou perder tempo com um pinguço ridículo como você?".

Nesse momento, já apareceram três caras em volta de mim, pois achavam que eu estava brigando com a mulher. Para acalmar a situação eu falei: "Calma, galera, não precisa disso". Nisso um deles que era baixinho e magrelo, aparentando ter 14 anos, chegou me intimando e falou: "Respeita a mina, por que não mexe comigo?". Antes que eu explicasse que não tinha nada a ver, levei um tapa na cara que me deixou furioso, então empurrei o garoto, momento em que tomei mais um tapa na cara dele.

Perdi o controle e fui para cima o esbofetear, porém, nessa hora, fui contido pelos seguranças, que me tiraram do bar e me levaram ao caixa, mandando que pagasse a conta e sumisse, enquanto todo mundo me vaiava. Não pude nem me explicar, os caras ficaram me chamando de bêbado, fizeram eu pagar a conta e me jogaram para fora do bar. Eu estava possesso de tanta raiva que entrei no carro e comecei a socar o banco com força e gritar. Se a desgraça ainda não foi pouca, ainda machuquei meu punho em um dos socos e agora está doendo muito.

Para me acalmar, adivinhem o que fiz quando cheguei em casa? Tomei mais pinga  ainda e acordei hoje vomitado no meio da sala. Isso não foi nada legal. 


Um abraço do Pobre-diabo! 

sábado, 14 de setembro de 2019

Ficar rico empreendendo?


Como todos sabem, faz cerca de 3 meses que fui demitido de um emprego em que eu tinha um ótimo salário, porém com uma responsabilidade gigantesca, que me levou a um estresse fora do comum, além da acentuação do meu alcoolismo e vício em cigarro. É claro que não foi nada fácil perder o emprego dessa forma e a segurança que ele me trazia, sendo isso ainda algo que me deixa pensativo às vezes, pois hoje eu tenho que correr atrás do meu dinheiro, não tenho mais aquele salário gordo que caia na minha conta automaticamente todo mês. 

Alguns idiotas sem conhecimento algum do mundo me pintavam como um adorador da CLT e um inimigo do empreendedorismo, o que nunca foi verdade. O que eu sou sim é um especialista nesses assuntos, portanto, abomino qualquer ilusão e extremismo. Promessas de elevados ganhos sem fazer nada é a chave certa para o fracasso, afinal, não existe dinheiro fácil e nem sucesso sem esforço. Se você pesquisar na internet vai ver que os dados não são nada animadores, afinal, se fosse fácil qualquer idiota abriria uma lanchonete na garagem da mamãe e ganharia 20k por mês e ainda abrindo uma rede de franquias em menos de 2 anos (o Roliço dizia isso, pasmem). 

Em uma rápida busca você encontra vários anúncios mentirosos desses, sempre prometendo uma oportunidade única de ganhar bastante dinheiro de forma fácil. Tem um idiota aqui do reduto que tem o nome de um personagem do Dragon Ball Z que tenho certeza que deve acreditar

Poderia citar muitos nomes aqui de charlatães que prometem elevados ganhos e para tanto vendem cursos caríssimos para você. Mas não vou fazer isso não, afinal, compra essas merdas quem quer, pois burros sempre existiram e sempre existirão nesse mundo. Ontem mesmo saiu uma pesquisa sobre empreendimentos, contatando que 75% fecham antes dos 5 anos. E você idiota ainda acredita naquele mentiroso que fala que sabe fazer 6 dígitos em 7 dias? Ou aqueles mentirosos que dizem multiplicar seu dinheiro facilmente por 3, 5 ou 10 vezes? Será que os animais não entendem que esses golpistas só querem te vender cursos? 

Se você quer se dar bem nos empreendimentos, antes de tudo terá que abandonar toda e qualquer ilusão e extremismo. Deve se ater unicamente nos números, no que é racional. As grandes empresas, aquelas sólidas e sustentáveis, além de terem bons capitais iniciais e de giro, fazem pesquisas profundas quanto ao mercado de seus produtos, projetos de viabilidade, análise da concorrência, inovação, análises de marketing, estudos sobre o design dos produtos, pesquisas de consumo, análises robustas sobre os estoques, linha de produção, fornecedores, transportes, sustentabilidade, imagem da empresa etc etc etc.

Esse é o ponto comercial que o Roliço abriu na garagem da mamãe no subúrbio. Com certeza esse mega empreendimento deve faturar facilmente 1 milhão por mês. Segundo ele, em 1 ano já estaria com pelo menos 6 franquias abertas. 

Aí vem dois idiotas fracassados e de baixo QI, um falando que abriu um dog com 5 sócios (que milagrosamente em 6 meses está valendo mais de 100k, sendo que antes valia 15k) e o outro uma lanchonete na garagem da mamãe, ambos sem nada de dinheiro, querendo falar em empreender? Sinceramente, tenho muita pena desses coitados. No fundo eles sabem que só estão se afundando e fodendo os coitados dos seus pais, os quais lhes emprestaram dinheiro e nunca receberão de volta, além de ter que pagar toda a dívida que eles irão acumular. Pobrezinhos, dos pais em terem filhos tão burros e aproveitadores. 

Muitos idiotas se iludem achando que terão lucros altos sobre o faturamento. Você sabia que a maioria dos empresários não tira nem 5% de tudo que faturam? Apresentei esses tempos uns dados de que 4 de 5 empresas fecham antes de 4 anos. Aí você vem querer falar de empreender se você nunca teve bosta nenhuma e nunca fez dinheiro? Você merece apanhar por ser tão burro. Para empreender você precisa ter condições. E não caia no papo daquele Érico que fala que você não precisa nem ter o produto antes, que é só vender e pronto, como se ele fosse o Deus das vendas. Que eu saiba ele vende cursos e ilusões para iludidos que pensam que o dinheiro cai do céu. 

Esse é o novo negócio do Chuppa Pau, vender hot dog e x-salada de forma sustentável, sem poluir a natureza com combustíveis fósseis. Em 1 ano acredito que já estará faturando 1 bilhão por ano. 

Empreender te fará rico? Dificilmente se você for uma betoso sem dinheiro. Mas, se você tiver boas condições financeiras, trabalhar muito, tiver um bom projeto, um bom processo, um bom produto, boa estratégia, boa ideia e muita sorte, pode ser que em alguns anos você poderá estar ganhando um bom dinheiro, mas nada incomum também, não vai estar andando de Porsche Cayenne por aí não. Outra coisa, se acha que vai ser patrão e não mais funcionário pau mandado do chefinho está enganado. Cada cliente vai ser pior que um chefe e você trabalhará horrores, as vezes até mais que 15 horas por dias! 

Além disso, nunca esqueça a enorme concorrência que enfrentará e que o mercado já é dominado pelos grandes, os quais cada vez mais são donos de tudo. Entrar não é difícil e até dá para ganhar um dinheiro, desde que tenha condições, boa estratégia, paciência, trabalhe muito e tenha dinheiro para investir, porém se acha que terá uma rede de franquias ou uma multinacional em 5 anos, então esqueça. Aconselho você que comece a jogar na loteria, pois será mais fácil. 



Um abraço do Pobre-diabo!